Cartagena – 6º dia (Cerro de la Popa, Teatro Heredia e Las Bóvedas)

Após o café da manhã fui perguntar para a prestativa gerente do hotel, quanto custava aproximadamente uma corrida de táxi até o Convento Santa Cruz de la Popa, ou Cerro de la Popa. Ela me disse que girava em torno dos 30.000 COP/35.000 COP. O preço é mais salgado que o normal, pois o local não é muito perto, fica no alto de uma colina (cerca de 20 minutos da cidade amuralhada).

Em frente ao hotel havia alguns táxis estacionados. Perguntei para dois deles o valor do trajeto até o convento: 45.000 COP com uma hora de espera. Tentei negociar, mas eles não arredavam o pé. Falei então que iria pesquisar mais, aí eles concordaram com 30.000 COP e o combinado era que ficariam nos esperando por meia hora. Trinta minutos parece ser pouco, mas foi possível ver tudo.

Para lá não há transporte público, o pessoal vai de táxi ou chiva. Por esse motivo, os motoristas ficam aguardando os turistas. Li que não é viável ir à pé, pois além da caminhada ser longa, o trajeto é perigoso.

Começamos a subir a colina em direção ao convento e vimos um policiamento ostensivo por todo o caminho.

CONVENTO SANTA CRUZ DE LA POPA

Horários: Segundas à domingos, das 8h30 às 17h30.

Entrada: 10.000 COP/adultos e 8.000 COP/crianças  (valor em março/2016)

Dica: Indo bem cedo ou no final da tarde, você encontrará o local menos cheio.

A fundação do convento data de 1607. Seu nome oficial é Convento de Nuestra Señora de la Candelaria, em homenagem à padroeira da cidadeO nome “Popa” deve-se à semelhança da colina a um barco, ficando o convento em sua parte traseira, a popa.

Foi construído no ponto mais alto de Cartagena, a cerca de 148 metros de altura. A vista de lá é espetacular!

“…Si no has subido a La Popa, no has visto a Cartagena!”

convento santa cruz de la popa cartagena roteiros dicas

cerro de la popa cartagena roteiro dicas viagem

vista convento la popa o que fazer cartagena pontos turisticos
O céu pela manhã costuma ser mais límpido.
vista panoramica convento de la popa
“…Si no has subido a La Popa, no has visto a Cartagena!”

A arquitetura colonial e o claustro florido impressionam já na entrada. As espessas paredes e fortes pilastras foram construídas de forma a resistir aos ataques de invasores. Sim, durante muito tempo o local foi utilizado com fins militares e, durante a guerra de independência foi praticamente destruído.

convento de la popa cartagena dicas viagem roteiro o que fazer

arquitetura colonial cartagena cerro la popa ponto turistico

convento santa cruz de la popa cartagena arquitetura colonial

cerro la popa cartagena detalhes

 

convento la popa cartagena detalhes

Reparem (foto acima) nos canos presentes na parte superior. São todos voltados para o pátio interno e o poço localizado no centro possui aberturas em sua base com a finalidade de escoar a água da chuva, a qual ficava armazenada. Isto porque antigamente não havia água com facilidade.

No convento há um pequeno museu com peças religiosas, como quadros e esculturas, os quais contam um pouco sobre sua história.

Há também uma capela dedicada à Virgen de la Candelaria. A imagem da Santa está no belíssimo altar de ouro. Muitos devotos que recebem a cura de enfermidades, oferecem à Virgem réplicas em miniatura feitas de ouro do membro ou partes do corpo que foram curados.

O convento, em 1986, recebeu a benção do Papa João Paulo II em pessoa.

igreja capela virgem de la candelaria cartagena convento santa cruz de la popa

Um dos maiores eventos de Cartagena acontece ali no convento. Entre os dias 24 de janeiro e 2 de fevereiro, centenas de pessoas sobem diariamente o Cerro de la Popa. O taxista nos contou que algumas pessoas sobem a colina de joelhos. Devotos se reúnem no local para agradecer as graças alcançadas e, no último dia, ocorre a Festa de La Candelaria de La Popa. É uma procissão que parte do monastério e segue até uma capela no bairro Pie de La Popa.

TEATRO HEREDIA OU ADOLFO MEJÍA

Voltamos para a cidade amuralhada e seguimos para o Teatro Heredia / Adolfo Mejía.

Endereço: Plaza de la Merced #38-10

Entrada: 8.000 COP/ visita sem guia por 20 minutos e 11.000 COP/ visita guiada

Horário: Segunda a sexta das 8:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00 horas.

Dica: A entrada principal encontra-se sempre fechada. Para conhecer o interior, contorne o prédio e vá até a porta localizada na parte de trás. Fique ligado na programação do teatro! Pergunte à recepcionista se haverá algum espetáculo nos dias em que estiver na cidade. Deve ser uma experiência incrível!

O teatro foi construído sobre as ruínas da antiga Igreja de La Merced (1625) para comemorar o centenário da Independência em 1911.

A fachada do prédio é linda, mas seu interior é ainda mais bonito!

teatro heredia cartagena o que fazer dicas roteiro

teatro heredia adolfo mejia cartagena roteiro dicas

teatro heredia cartagena detalhes ponto turistico o que fazer

teatro adolfo mejia heredia cartagena interior dicas roteiro
O teatro, recém reformado, tem capacidade para 650 pessoas.

 

teatro adolfo mejia teatro heredia cartagena o que fazer roteiro dicas pontos turisticos
Teto pintado pelo artista cartagenero Enrique Grau.

 

teatro heredia adolfo mejia cartagena interior

Você pode caminhar por todo o interior do teatro. Aproveite! Há muitos detalhes a serem vistos.

teatro adolfo mejia teatro heredia cartagena detalhes

teatro adolfo mejia teatro heredia cartagena roteiro o que fazer passeio

teatro adolfo mejia teatro heredia cartagena interior detalhes
No interior do teatro também havia esse salão.
teatro adolfo mejia cartagena
Escadas em mármore italiano.

 

LAS BÓVEDAS

las bovedas cartagena roteiro

 

Las Bóvedas foi a última grande construção da época colonial. Foi utilizado como armazém de munição e provisões e, na era republicana, funcionava como presídio. Hoje abriga diversas lojinhas de artesanato, roupas, bolsas, souvenir, objetos de decoração, entre outros.

Os preços não são muito atrativos, mas pechinchando você consegue um valor razoável. Se você gosta de produtos locais, fique atento, pois há artigos “made in china” também.

Nós entramos em todas as lojas, algumas delas possuíam praticamente os mesmos itens, em outras os produtos eram diferenciados.

las bovedas cartagena o que fazer compras roteiro

las bovedas artesanato cartagena souvenir compras

las bovedas cartagena o que fazer roteiro dicas

 

Na hora do almoço seguimos para o El Santísimo (Calle del Torno # 39-62), restaurante muito bem recomendado pelos viajantes e que, inclusive, já foi citado no The New York Times.

el santissimo cartagena restaurante onde comer

el santissimo cartagena onde comer dicas roteiro
Fachada do restaurante El Santísimo.

 

O cardápio do restaurante é enxuto, mas tem opções para todos os gostos: carne vermelha, frango, massas, peixe e frutos do mar. A gastronomia do El Santísimo resulta da fusão da cozinha cartagenera com o requinte da culinária francesa.

Neste restaurante há uma opção bacana por 95.000 COP: uma entrada, um prato principal, uma sobremesa e bebida à vontade por até 2 horas (inclui vinho, cerveja, refrigerante ou água). Como nós preferimos suco, não seria interessante para nós.

restaurantes cartagena onde comer dicas

Estava vazio no horário em que nós fomos, mas dizem que no jantar o lugar fica cheio, sendo necessário fazer reserva .

O ambiente é bem aconchegante e nós adoramos a decoração também, bem pitoresca.

restaurante el santisimo cartagena

Meu marido pediu de entrada pañuelos de la novicia, que são triângulos de queijo camembert empanados com gergelim, acompanhados de molho de uchuvas (physalis), açúcar e vinho branco.

Para o prato principal, eu escolhi o Antojo Vikingo, salmão com aspargos e cebola caramelizada. Meu marido que não come carne e afins, pediu o Arroz del Príncipe Sidartha um salteado de verduras, arroz estilo thai, acompanhado de croquetes de bananas maduras. Este prato normalmente tem mariscos em sua composição, mas nos foi dito que poderiam fazê-lo sem estes ingredientes.

A apresentação dos pratos é lindíssima!

panuelos de la novicia el santisimo cartagena onde comer
Pañuelos de la novicia (18.519 COP)
onde comer cartagena dicas preços
Meu prato: Antojo Vikingo (41.667 COP)
onde comer cartagena restaurantes roteiro dicas
Prato do marido: Arroz del Príncipe Sidartha (37.037 COP)

 

Neste dia resolvemos experimentar as sobremesas também, as quais recebem nomes de pecados capitais. Depois de toda a comilança, pedimos o “La Gula”… rs.

restaurante cartagena onde comer dicas roteiro
La Gula: Brownie com sorvete de baunilha e cobertura de chocolate quente e cítricos (12.963 COP)

Eu e minha mãe pedimos o mesmo prato e achamos delicioso. Meu pai e minha irmã pediram o Tributo a Kaliman (37.037 COP), pernil de carne de porco com molho de tamarindo, batata criolla e salada verde, mas acharam a carne um pouco seca. Meu marido gostou do prato, mas não achou “tudo o que dizem”…

Depois do almoço fomos caminhar mais um pouco pela cidade. Nos deparamos com um mercado de pulgas e resolvemos entrar. Tinha muita coisa bacana e interessante, mas não compramos nada.

cartagena arquitetura
Mercado de pulgas que encontramos no caminho.

 

Fomos também ao mercado Carulla  (Calle 34 #5-36) comprar água. Esta unidade presente na cidade amuralhada é “express”, então é pequena e sem muita variedade.

mercado carulla cartagena ciudad amurallada
Mercado Carulla na cidade amuralhada.
refrigerantes cartagena
Refrigerantes locais: o Kola Román é um dos mais consumidos. Na foto não dá para visualizar bem, mas ele é rosa fluorescente! rs. Começou a ser produzido em Cartagena no ano de 1865. Não experimentamos, mas dizem ser bem doce.

 

Como o calor em Cartagena é intenso, há barraquinhas de rua vendendo frutas, água de coco e sucos naturais. E em diversos pontos da cidade, podem ser vistas as famosas palenqueras com seus vestidos rodados coloridos, lenço na cabeça e suas frutas variadas.

frutas cartagena

mango biche cartagena comida de rua
Mango biche: manga verde com sal, limão e leite condensado.

frutas cartagena (2)

cartagena ambulantes

comida de rua cartagena

palenquera cartagena colombia
Palenquera com seu vestido colorido que combina tão bem com as frutas tropicais.

As palenqueras são originárias de Palenque de São Basílio. Nesta região viviam os escravos africanos que decidiram fugir em busca da liberdade. O local que se instalaram era o ideal, dado ao seu difícil acesso. Assim, homens e mulheres criaram os “palenques”, fortalezas onde poderiam criar seus filhos, manter seus costumes, tradições e acima de tudo: ser livres.

O movimento de fuga dos escravos teve tamanha proporção que a Coroa Espanhola decretou, em 1691, a libertação dos africanos do Palenque de São Basílio. Estes foram os primeiros escravos livres na América.

Visitamos também o jardim do luxuoso e bem preservado hotel Sofitel Legend Santa Clara. Este hotel antigamente foi um convento (século XVII) e também um dos cenários do livro “Do amor e outros demônios”, de Gabriel García Márquez.

Sofitel Legend Santa Clara cartagena jardim
Jardim do hotel Sofitel Legend Santa Clara.

Passamos novamente em frente à Catedral de Santa Catalina de Alejandría, mas estava fechada.

igreja santa catalina de alejandria cartagena

No jantar fomos até a Plaza San Diego procurar algum lugar para comer. Todos os restaurantes estavam bem cheios, até que encontramos o La Galeria Gourmet. Havia mesas no exterior, mas como estava calor, entramos no pequeno restaurante.

plaza san diego cartagena escuela bellas artes
Plaza de San Diego bem movimentada à noite. Ao fundo, a Escuela Superior de Bellas Artes.

 

As pizzas pareciam ser muito apetitosas, então resolvemos pedir. E não nos arrependemos! A quantidade que pedimos não engana… (pizzas para cinco pessoas esfomeadas, poxa!) rs.  Na verdade, elas não são muito grandes e a massa é leve e fina.

onde comer cartagena plaza san diego
Pizzas muito saborosas do La Galeria Gourmet.
preços pizzas cartagena
Preço das pizzas e bebidas.

 

E mais um dia se foi na encantadora Cartagena…

cartagena de indias colombia realismo magico

…Continua

 

Anúncios

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s