Visconde de Mauá – 2º dia

O café da manhã da pousada inicia-se às 9h. O salão fica na sede administrativa da pousada no terreno ao lado dos chalés, uma caminhada bem rápida.

salao cafe da manha pousada brilho da natureza visconde de maua relatos de viagem
Salão de café da manhã.
salao cafe da manha pousada brilho da natureza visconde de maua maromba relatos de viagem
A gente chegou um pouquinho antes do início do café, a mesa ainda não estava completa.

salao cafe da manha pousada brilho da natureza visconde de maua relatos de viagem passeios

O café da manhã era uma delícia! Salada de frutas, três tipos de sucos naturais, iogurte caseiro, sem contar os bolos, pães recheados e pães de queijo quentinhos, recém saídos do forno. O pão de queijo é famoso por lá, tinha lido muitos comentários e realmente, é muito gostoso, feito em forminhas. E logo depois a dona da pousada ainda levou em cada mesa uma canjica deliciosa.

De barriga bem cheia (mais do que deveria estar rs), saímos em direção ao Sítio Cachoeiras do Alcantilado, no Vale do Alcantilado. Fomos em direção à Vila Maringá e na estrada asfaltada há uma placa sinalizando a entrada para o Vale do Alcantilado.

A estrada é de terra. Após passar uma ponte de madeira, há uma bifurcação e aí vira-se à direita em direção ao sítio (se por um acaso você vir alguma placa “Casa do Adílson”, pode se basear por ela, Adílson é o dono do sítio).

Continue na estrada de terra por cerca de 4 km (meio ruinzinha) e na próxima bifurcação, entre à direita novamente. Na última bifurcação, siga em direção ao Museu Duas Rodas. Mais à frente há um parque aquático infantil e logo depois encontra-se a entrada do Sítio do Alcantilado. Chegamos por volta das 11h.

No local há um amplo estacionamento e uma recepção/lanchonete à frente. Ali, pagamos a taxa de R$14,00 cada um (criança até 6 anos paga meia entrada) e recebemos um mapinha com as cachoeiras existentes.

No Sítio Cachoeiras do Alcantilado, percorre-se uma trilha de cerca de 1,5 km (3 km ida e volta) com 9 atrativos, dentre poços e cachoeiras, sendo que a última é a Cachoeira do Alcantilado.

Após a recepção, passamos por um restaurante que fica dentro do local e por chalés e casas que podem ser alugadas.

De longe já é possível ver a última cachoeira da trilha.

sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua inicio da trilha
Lááá ao fundo está a Cachoeira do Alcantilado, a última da trilha. Conseguem ver? Marido disse com os olhos arregalados “a gente vai subir até lá???”. Sim, marido, vamos! 🙂
sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos de viagem
Início da caminhada! Já dava para ter uma noção de que o percurso seria bonito! Estava calor, abafado. A vontade era já parar por ali para se refrescar, mas decidimos percorrer todas as cachoeiras e na volta escolher alguma para entrar.

sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos de viagem passeio natureza

sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua cachoeirinha viagem
Esta é a primeira das 9, a “Cachoeirinha”.
sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos de viagem cachoeirinha
Cachoeirinha.
sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua
Sanitários mais à frente, são os únicos da trilha.
poço da areia visconde de maua cachoeiras do alcantilado relatos de viagem passeios
Poço da Areia.

 Alguns trechos da trilha são mais fáceis, outros exigem um maior esforço físico. Nós, sedentários que somos, paramos algumas vezes para descansar durante o trajeto. O legal é que há um estímulo para continuar: saber como é a cachoeira que vem adiante! 🙂

trilha cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos de viagem passeio

trecho da trilha sitio cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos de viagem

cachoeiras do alcantilado visconde de maua detalhes de viagens

visconde de maua cachoeiras do alcantilado trilha liquen vermelho
Líquen vermelho no tronco das árvores: um bioindicador da ótima qualidade do ar!

 Chegamos à ultima cachoeira depois de aproximadamente 1 hora e meia. A última etapa da trilha foi cansativa, é mais íngreme, mas conseguimos! rs. Não é possível entrar na água desta última cachoeira, só curtir o visual mesmo.

cachoeira do alcantilado visconde de maua
Cachoeira do Alcantilado.
vista alto cachoeira do alcantilado visconde de maua
Vista lá de cima.

A descida de volta é bem mais rápida. Paramos um tempo na Cachoeira da Gruta do Granito e depois no Poço da Areia. A água estava gelada, mas deu para encarar! rs

cachoeira da gruta do granito cachoeiras do alcantilado visconde de maua
Cachoeira da Gruta do Granito. Olha a gruta ali do lado direito!
poço da areia cachoeiras do alcantilado visconde de maua relatos viagem
Poço da Areia

Nós adoramos o Sítio Cachoeiras do Alcantilado, foi muito legal percorrer as trilhas para as cachoeiras e o local é lindo, bem cuidado.

Já eram quase 15:30h quando resolvemos ir embora, mas antes passamos no restaurante que existe por lá. Pedimos uma porção de calabresa e de mandioca. A mandioca estava uma delícia, crocante e sequinha!

Como ainda estava cedo para voltar à pousada, decidimos conhecer mais um pouquinho o centrinho de Maringá e ver as lojinhas. O legal é que era um horário bom, após o almoço e antes da janta, então as ruas não estavam muito cheias.

vila maringa visconde de maua lojinhas
Lojinhas da Vila de Maringá.
ponte de pedestres separa maringa rj mg
A ponte de pedestres que separa as vilas de Maringá MG/RJ. Por baixo passa o Rio Preto.
bistro marioca vila maringa rj visconde de maua
Marioca Bistrô. Não comemos por lá, mas parecia um ambiente bem agradável à margem do Rio Preto e música ao vivo.

vila de maringa lojas visconde de maua relatos de viagens passeios

vila de maringa mg visconde de maua

Eu adoro lojas de artesanato e por ali existem várias! Compramos alguns docinhos para levar para casa, um ímã de geladeira e tomamos um sorvete antes de voltar para a pousada.

Tiramos um cochilo e levantamos quase às 21h. Decidimos ir jantar numa pizzaria que tínhamos visto, ali pertinho da pousada.

pizzaria tradicao do cheff vila maromba visconde de maua
Pizzaria na vila de Maromba – Estrada do Escorrega.  Tem local para estacionar o carro, se necessário. Ah, eles também fazem entrega.

Que ótimo que fomos conhecer, pois achamos a pizza incrível, deliciosa! A massa é fininha, crocante e os ingredientes utilizados de ótima qualidade.

Voltamos satisfeitos para a pousada. Ah, já tinha lido que as ruas por lá não têm iluminação e é um breu total mesmo, por isso aconselhamos levar uma lanterna caso esteja à pé.

Finalizamos a noite com a lareira da pousada.

lareira pousada visconde de maua

… CONTINUA.

Anúncios

4 comentários

    • Corajosos? rs Que nada, amiga… rs.
      Cansa pela subida, mas com atenção em alguns trechos mais estreitos e algumas paradinhas para recuperar o fôlego, dá pra fazer.
      É como marido sempre diz: “Se eu consegui, qqer um consegue rs.”
      Tinha gente sim (pelas fotos parece que só tinha nós, né?! rs), mas como o local é grande, as pessoas acabam se espalhando. Mas não tinha muita gente não. Vimos algumas tbm que desistiram na metade… rs.

      Beijo

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s